terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

COISAS DE ADOLESCENTES


COISAS DE ADOLESCENTES


Há alguns dias atrás estava a ver o telejornal e fui surpreendido com a notícia de uma adolescente inglesa, de 15 anos, que deu à luz um filho e o pai seria também um adolescente de 13 anos.

Volvidos dois dias ouvi uma referência à mesma notícia, no telejornal da mesma estação televisiva em que mais dois adolescentes, um de 16 e outro de 14 anos diziam que também tinham tido relações sexuais com a referida adolescente e também eles poderiam ser os pais do bebé.

A criança de 13 anos predispõe-se e quer fazer os testes de ADN para provar a paternidade, mas o que mais me choca é a imprensa, escrita e falada oferecer “fortunas” para conseguir depoimentos exclusivos desta criança. Mais, a própria família está dividida quanto aos valores, porque uns acham que ele deveria aceitar, outros, pelo contrário, acham que ele se deve manter calado e viver duma forma discreta.

Depois do que ouvi; pergunto.

Para onde caminha a sociedade em que vivemos? Quais os valores que perfilhamos e pelos quais orientamos a nossa vida? Que transmitimos nós aos nossos filhos para que eles trilhem estes caminhos?

Espero, sinceramente, que tudo isto mude rapidamente e que não percamos os valores da sociedade nem da família.


JC

8 comentários:

Baby disse...

Agradeço a tua visita e a apreciação que fizeste ao meu espaço, que muito me sensibilizou.

Em relação ao teu post, direi que nada mais nos pode surpreender, pois houve uma tal adulteração dos valores que nos regem, que tudo, tudo é possível e aceite como natural e comum.
Sinais dos tempos...

Bjs.

Nanda Assis disse...

nossa meu filho mais velho ta com 11 anos, nem me imagino avío ainda n mas preciso me preocupar rs.

bjosss...

Vieira Calado disse...

Oh, meu caro!

Já nada é do que era!

A Terra é uma bola que rebola

apresentando sempre "novas qualidades", como dizia o nosso grande épico!

Um forte abraço.

prafrente disse...

Já me tinha dito que estes problemas juvenis são mais comuns em Inglaterra que em Portugal.Quanto ao tratamento mediático dado a este tipo de acontecimentos eu não critico os meios de comunicação social mas sim os consumidores desse tipo de informação.Diverte-me imenso eu entrar numa papelaria cheia de clientes, olhar o estendal de revistas cor de rosa sobre a banca e dizer bem alto:
-Mas que raio de interesse têm as pessoas em saber que a fulana da revista esteja grávida?É problema dela e do pai da criança.

Noto uns sorrisos amarelos e algum desconforto emocional nalguns clientes...qualquer dia sou "corrido" dali para fora...

Um abraço

Marlene Maravilha disse...

Eu também vi isto estampado nos jornais e me assustei, confesso.
Os nossos valores foram mudados.
Limites inexistentes
e criancas carentes.
Lamento!
beijos

Anónimo disse...

Heya і am for the pгіmаrу time here.

I found thіѕ board аnd I in finding It геally
helpful & it helped me out much. I am hopіng to pгeѕent ѕomething bасk and aid others lіke уоu helped me.


Feel free to ѕuгf tο my websitе .
.. www.kadirmihran.net
My page > More methods

Anónimo disse...

Hello, i reаd your blοg oсcasiοnally and і οwn a
sіmilar one аnd i ωаs juѕt curious
if you get a lot of spam remаrkѕ? If so hοω
do you reduce it, any plugin or anything yοu can аԁνiѕе?
I get so much latеly it's driving me insane so any assistance is very much appreciated.

Here is my webpage: Www.seoulhigh.org

Anónimo disse...

So what can this all mean?

Also visit my blog post - http://exnovos.Com